An Easy Job of Only Needing to be Defeated by the Hero volume 1 capítulo 6

Traduzido por Kote. [PDF]


Capítulo 6

Nome: Orel

Raça: Majin

Rank: B

Ocupação: Guerreiro Mágico

Equipamento: Grande Machado de Aço Amaldiçoado

Armadura de Aço Amaldiçoado

Calças de Couro Rancorosas

Habilidade Técnica: Maldição Vazia C

 

“…… você gosta de maldições ou algo assim?”

“Não é nada disso.”

Quando Orel tentou encolher os ombros ante Vermudol, que estava confirmando o status de Orel com um rosto entediado… notando que era impossível de fazer, acabou apenas fazendo um leve movimento.

Este lugar era o Castelo do Rei Demônio, a sala do trono.

Aquele que estava quase deitado na frente de Vermudol, enquanto este estava se sentado no trono, era Orel, que estava fortemente amarrado o suficiente para que ele não pudesse realmente ser considerado estar deitado.

Em ambos os lados, duas Armaduras Operadas por Magia estavam atentas.

“Ainda assim, para poder confirmar o Status sem o uso de um 『Cristal Revelador』…… você é realmente o Rei Demônio-sama, não um charlatão.”

Quando Orel disse isso, fixou seus olhos em Vermudol que estava sentado no trono.

Diz-se que até mesmo o predecessor Gramfia, a principio, era um jovem de cabelos negros semelhante a Vermudol.

Orel, que era um novato entre os Majins, só soube sobre a aparência de Gramfia depois de perder tudo, mas… comparado com aquela sençação sufocante, o Vermudol de aspecto letárgico que estava diante de seus olhos parecia pouco confiável.

“Bem, isso é verdade. Então, há algo que eu quero lhe perguntar. Posso?”

Aceitando o olhar de Orel de frente, Vermudol continuou a conversa.

Vermudol também conhecia o significado do olhar de Orel.

Ele estava plenamente consciente de que estava sendo encarado.

Na verdade, quem bateu em Orel foi Ichika, e não Vermudol.

No entanto, Vermudol considerou que não havia significado para esse fato.

O que era importante era o fato de que aquele com a posição mais alta neste lugar agora era Vermudol.

Era apenas esse ponto que era importante.

“…… seria bom se fosse algo que eu possa responder.”

E então, Orel também entendeu o significado do olhar de Vermudol.

Certo, ele já entendia tudo, o atual Orel estava sendo encarado.

Enquanto Orel estava deitado como um verme, Vermudol estava olhando para ele com os olhos que pareciam estar realmente olhando para um verme.

“Não, você não precisa se preocupar com isso. Está bem se você não responder a coisas que você não pode responder.”

Misturando até mesmo um sorriso, Vermudol fez essa consideração.

Era uma alegria que era semelhante a falar com um amigo próximo ou algo assim.

Por exemplo, se fosse uma situação em que eles estivessem falando enfrentando um ao outro em uma mesa, não havia dúvida de que Orel olharia com desprezo para Vermudol no fundo do seu coração.

Mas agora, apesar de estar sob essa situação anormal, Vermudol conversou com Orel com um coração leve e uma intimidade semelhante a isso.

Mesmo que ambas as posições fossem invertidas, Orel pensou que Vermudol entraria em contato com ele da mesma maneira.

Ele conseguiu imaginar claramente essa cena.

Orel estremeceu sem derrubar sua atitude destemida.

Ou talvez, era assim que o espírito digno de ser o Rei Demônio deveria ser.

Mesmo quando ele sentiu como se estivesse dominado pelo Rei Demônio Vermudol que estava diante de seus olhos, Orel mostrou que estava preparado.

“Por enquanto, estava pensando em tentar unificar o Continente das Trevas. Você teria boas ideias para isso?”

“…… ha?”

Incapaz de determinar se as palavras de Vermudol eram sérias ou uma piada, Orel respondeu desse jeito.

Unificação do Continente das Trevas.

Isso não foi realizado mesmo pelo anterior Rei Demônio Gramfia.

Antes da crise sem precedentes conhecida como invasão do Herói no Continente das Trevas, os Mazoku só juntaram as mãos temporariamente, e, fundamentalmente, os Mazoku eram egocêntricos que priorizavam seus próprios desejos.

Embora não fosse como os outros Mazoku, não havia nenhum erro de que Orel também era egoísta.

Afinal, à beira da batalha anterior, estava em maus termos com Gramfia o suficiente para que fugisse imediatamente.

Esse monstruoso Rei Demônio, tendo sido conduzido a um beco sem saída pelo Herói, acabou encontrando falhas em seus subordinados mais leais. Parecia que não era por covardia, e sim por autoproteção.

“O ー i, Orel?”

“Responda a pergunta do Rei Demônio-sama.”

Orel, que involuntariamente se imergiu nas memórias do passado, foi trazido de volta à realidade por um chute de uma Armadura Operada por Magia que recebeu o sinal de Ichika.

O lugar onde ele foi gravemente ferido por Ichika sofreu ainda mais, mas ele nem sequer sentiu vontade de se queixar.

“Deixe-me ver……”

Até mesmo ele não suportaria ser chutado novamente, Orel tentou procurar as palavras apropriadas.

Sem boas ideias sobre a unificação em mente, ele só poderia dizer isso com toda a honestidade.

“Enquanto um Herói não estiver invadindo, acho que a solidariedade é impossível. E mesmo que a invasão do Herói chegue, acho que haverá gente que se esconderá nos buracos do chão e não irão sair.”

Buracos no chão… isso era sobre as chamadas masmorras e bases Majin.

Elas foram criadas por Majins como símbolos de sua própria força e também serviam como meio de ataque e defesa.

Nos casos de Majins que se fixaram em lutar em seu próprio campo até o amargo final, eles não irão sair de lá de forma irracional.

Para os tipos de Majin que simplesmente atacariam por si mesmo, como Orel, foram ridiculizados como a caverna Majin, mas, exceto por aqueles que infelizmente foram atacados pelo Herói, eles inesperadamente tiveram uma alta taxa de sobrevivência.

Ele não pensou que os Majins que fizeram isso cooperariam obedientemente.

Afinal, já que os monstros que criaram seus ninhos nas masmorras estão incluídos como seus subordinados, existem muitos que não entendem isso e se chamam de Rei Demônio.

Pelo que Orel sabia, havia várias dezenas de Rei Demônio autoproclamados.

De acordo com ainda mais histórias que ele ouviu, à beira da batalha anterior, foi dito que o grupo do Herói chamava Gramfia de o Grande Rei Demônio.

Ele não pensou que houvesse um Rei Demônio maior ou menor, mas Orel considerou que certamente havia alguns Reis Demônios autoproclamados no continente Humano.

 

“Rei Demônio autoproclamado huh… se esse for o caso, então acho que isso significaria que meu estado atual também é o de Grande Rei Demônio.”

“Há apenas um título digno do Rei Demônio. Por favor, não fale de coisas tão imprudentes.”

Sendo repreendido por Ichika, Vermudol refletiu enquanto fazia um sorriso irônico.

Certamente, nos jogos e mangás do mundo em que Vermudol estava quando ele ainda era Humano, houve muitos casos em que havia vários “Reis Demônios”.

Se houve casos em que um Grande Rei Demônio estivesse observando com cautela em espera do Rei Demônio, também havia casos em que também havia Grandes Reis Demônios que tinham vários Reis Demônio obedecendo-os.

Por baixo do Rei Demônio seriam subordinados mais poderosos, e por baixo deles seriam subordinados poderosos… havia muitos padrões onde haveria muitas pessoas de cima para baixo como uma montanha.

Se o que ele lembrava era correto, também deveria ter casos em que os subordinados do Rei Demônio derrotaram o Rei Demônio e tomaram seu lugar.

Se houvesse uma diferença nos padrões, seria assim.

Primeiro, o Rei Demônio nascido naturalmente. Estabelecido como o Rei Demônio, eles eram uma existência que criaria e mandaria nos Mazoku.

E então, o Rei Demônio como título. Este era um título usado para objetivos de medo ou o chefe de um grupo, e não importava se eram ou não um Mazoku.

Vermudol era sem dúvida o primeiro, e era uma existência produzida pelo Deus Demônio como o Rei Demônio.

No entanto, de acordo com Orel, embora seja autoproclamado, parece que há alguns aqui e ali com o título de Rei Demônio.

Nessa situação, o que deve ser feito para que Vermudol obtenha o maior benefício?

O que deve ser feito para que ele possa segurar as rédeas?

“…… como eu pensei, acho que será isso.”

Ichika e Orel olharam curiosamente para Vermudol que murmurou enquanto olhava para o teto.

“O fato de que eles se reivindicam como um Rei Demônio, isso provavelmente significa que todos querem viver como vagos… acho que eu deveria tentar ir com isso?”

Depois de dizer isso, Vermudol olhou para Orel que ainda estava amarrado e expressou um sorriso.

[Anterior] ᄽὁȍ ̪ őὀᄿ [Próximo]

Anúncios

6 comentários sobre “An Easy Job of Only Needing to be Defeated by the Hero volume 1 capítulo 6

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s