Youkoso Jitsuryoku Shijou Shugi no Kyoushitsu e Volume 1 Capítulo 2 Parte (2/2)

PDF do capítulo 2 já está disponível para download.

Traduzido por Kote. [PDF]


Parte 2

“Uau, é maior do que pensei que seria.”

Horikita e eu nos encontramos depois da escola para ir ao ginásio.

Quase todos eram do primeiro ano; cerca de 100 pessoas estavam esperando nas proximidades.

Esperando na parte traseira, estávamos esperando que a feira de clubes começasse.

Ao entrar no ginásio, panfletos com detalhes sobre atividades dos clubes estavam jogados por todos os lugares.

“Eu me pergunto se esta escola tem um clube particularmente famoso. Por exemplo… algo como um clube de karatê?”

“Muitos clubes aqui parecem ter um nível elevado. Há muitos membros em muitos clubes que são conhecidos nacionalmente.”

Embora esta escola não seja particularmente conhecida por seus esportes como beisebol ou vôlei, não é como se as atividades de clube estivessem no nível “apenas por hobby”.

“As instalações também são de alta qualidade. Olha, eles até têm cápsulas de oxigênio. Todo o equipamento deixa os equipamentos pro envergonhados. Ah, mas parece que eles não têm um clube de karatê.”

“… entendo.”

“Por que, você está interessado em karatê?”

“Não, não particularmente.”

“Mas, sabe, parece que uma pessoa inexperiente terá dificuldade em se juntar a um clube de esportes. Mesmo que alguém fizesse sua estreia no ensino médio, seria um substituto por uma eternidade. Eu não acho que seria divertido.”

Tudo por aqui parece muito ordenado e arrumado.

“Isso não depende do esforço que eles colocam? Após 1 ou 2 anos de treinamento, qualquer pessoa pode se tornar bom.”

Treinamento… eu não acho que eu possa fazer muito esforço.

“Não pensei que existisse a palavra ‘treinamento’ para pessoas que evitam problemas como você.”

“O que evitar problemas tem a ver com isso?”

“Não é normal qualquer um que evita problemas também evitar qualquer tipo de trabalho manual? Se você declarou que evita problemas, você deve manter sua palavra até o final.”

“Eu não iria tão longe…”

“Se você sempre for estranho assim, nunca vai fazer amigos.”

“Suas palavras feriram meu coração.”

“Obrigada pela espera, estudantes do primeiro ano. Um representante de cada clube explicará suas atividades e como se juntar. Eu sou Tachibana*, a secretária do conselho estudantil e a presidente responsável por esta feira de clubes. Prazer em conhecê-los.”

(NT: acredito que seja uma garota, mas Tachibana é um nome tanto feminino quanto masculino…)

Após a saudação de Tachibana, os representantes dos clubes se alinharam no palco da academia.

Havia vários representantes, desde aqueles que usavam uniformes de judô até quimonos bonitos.

“Ei, se você mudar de ideia, tente se juntar a um clube de esportes. O clube de judô não parece bom? Esse senpai parece agradável e encorajador.”

“Qual parte dele parece agradável e encorajador? Aquele gorila parece que pode matar alguém a qualquer momento.”

“Ele provavelmente pregaria que o judô é um esporte fácil.”

“Apenas pare!”

Eu pensei que a conversa realmente estava indo a algum lugar, mas ela estava apenas sendo rude novamente.

“Mesmo que esse fosse o caso, os clubes de esportes claramente não recebem novatos, olhando como eles estão se exibindo.”

“Eles devem ser bem-vindos. Quanto mais as pessoas recebem, mais dinheiro a escola lhes dá e assim eles podem conseguir mais equipamentos.”

“Isso é apenas o uso de novos membros como forma de ganhar dinheiro…”

“Seria ideal recrutar muitos membros novos, aumentar o orçamento e depois torná-los membros fantasmas. Você precisa habilmente manipular as regras no mundo.”

“Que mundo ruim… sua maneira de pensar é certamente estranha.”

“Meu nome é Hashigaki, e eu sou o capitão do clube de tiro com arco. Eu acho que há muitos estudantes que acham isso antiquado e simples, mas é um esporte realmente divertido e gratificante. Damos a todos os novos alunos uma calorosa recepção, então se você estiver interessado, junte-se a nós.”

Uma garota com roupas de tiro com arco iniciou sua apresentação no palco.

“Olha, eles parecem receber novatos. Porque não tenta se juntar? Para aumentar o seu orçamento.”

“Juntar-me um clube por esse motivo é um definitivo não! Além disso, um clube de esportes é um ponto de encontro para riajuus. Sem conhecer ninguém, não seria divertido e provavelmente eu iria sair rapidamente.”

“Essa maneira de pensar não é um resultado de sua personalidade distorcida?”

“Sim, absolutamente. Um clube de esportes é definitivamente impossível.”

Eu não gostaria mesmo de fazer um trabalho a meio período que é completamente negligente e requer pouco esforço.

Além disso, provavelmente só vou me juntar a um clube se fosse fácil se juntar, calmo e quieto.

“Tsu…!”

Quando os representantes do clube apresentaram seus clubes, um por um, Horikita de repente se acalmou. Ela estava olhando para o palco, com o rosto pálido.

“O que está errado?”

Em seu estado tenso, parece que ela não me ouviu.

Eu também olhei para o palco, mas não vi nada em particular.

O representante do clube de beisebol estava dando sua introdução ao usar um uniforme.

Ela se apaixonou à primeira vista dele? Não parece ser assim.

Surpresa? Nojo? Ou talvez alegria? Para ser sincero, sua expressão é complexa, dificultando a leitura do seu rosto.

“Horikita. O que está errado?”

“…”

Ela realmente não pode me ouvir? Ela apenas seguia olhando para o palco.

Vou parar de falar e aguardar uma explicação.

O clube de beisebol não parecia particularmente mais interessante do que os outros.

Não importa o quão bem eles deem as boas vindas aos iniciantes, ou o quão atraente são os locais de reunião e os momentos, é apenas mais uma introdução normal. Não era apenas o clube de beisebol, todos os clubes pareciam comuns. Se eu aprendesse alguma coisa interessante a partir dessas explicações, era que clubes menores de cerimônia de chá e clubes de caligrafia existiam, e que o número mínimo de pessoas necessárias para um novo clube é de 3.

Toda vez que um novo clube começa sua explicação, os primeiranistas conversam entre os seus amigos sobre o clube anterior.

O ginásio tinha uma atmosfera animada. Os representantes dos clubes, e para não mencionar o professor supervisor, continuaram suas explicações com aparência desagradada. Eles devem estar frenéticos para obter o maior número possível de novos membros.

Quando os senpais terminaram suas explicações, saíram do palco e caminharam até algumas mesas. Eles provavelmente estão configurando uma área de recepção para que eles possam conversar com as pessoas de uma em uma e recrutá-las.

Eventualmente, todas as pessoas no palco se afastaram até que uma pessoa fosse deixada. O olhar de todos estava centrado no palco. Percebi que Horikita estava olhando essa pessoa o tempo todo.

A pessoa tinha cerca de 170cm de altura, o que não era tão alto.

Um corpo esbelto, cabelo preto lustroso.

Óculos afiados e um olhar calculista.

O aluno de pé na frente do microfone olhou os primeiranistas com um olhar calmo.

De que tipo de clube ele é, e que explicação ele dará? Meu interesse foi capturado.

(N T: segundo o tradutor gringo, o sexo desse estudante ainda não foi confirmado, mas continuará usando “he/ele” para não ficar repetindo “aluno” e “estudante”. Mas eu, como já li mais pra frente a LN, e também já li o mangá, confirmo que realmente é “ele”…)

No entanto, meu interesse desapareceu no próximo segundo. Ele estava completamente silencioso.

Talvez sua mente estivesse em branco. Talvez ele se sentisse nervoso e sua voz não saiu.

“Faça o seu melhor~”

“Você se esqueceu de trazer seus blocos de notas~?”

“Ahahaha!”

Os primeiranistas lançaram essas palavras na pessoa em questão. No entanto, o senpai no palco não vacilou. Nem as risadas nem os encorajamentos pareciam alcançá-lo.

Mesmo quando o riso começou a morrer, seu rosto apático não mudou.

Os alunos começaram a perguntar-se: “O que o senpai está fazendo?” e a academia ficou barulhenta.

Mesmo assim, o garoto não se mexia. Ele ficou parado silenciosamente, olhando os primeiranistas. (NT: o gênero é revelado aqui)

Horikita também olhou para o garoto com um olhar intenso.

A atmosfera descontraída mudou gradualmente em uma direção inesperada. Foi uma mudança de humor eletrizante.

Eventualmente, toda a academia estava envolvida em uma atmosfera tensa e silenciosa.

Não havia instruções dadas, ninguém ousava conversar— era um silêncio terrível.

Ninguém podia abrir a boca para falar. Este silêncio já durava segundos…

O aluno no palco começou a falar.

“Meu nome é Horikita Manabu, e eu sou o presidente do conselho estudantil.”

Horikita? Eu olhei para Horikita ao meu lado. Eu me pergunto se eles estão relacionados…

“O conselho estudantil também está procurando os primeiranistas para substituir os do terceiro ano que estão se graduando. Não há requisitos rigorosos para se candidatar para o cargo, mas aqueles que estão interessados não devem estar afiliados a outros clubes. Geralmente, não aceitamos qualquer candidato envolvido em outros clubes.”

Seu tom era suave, mas o humor ainda estava tenso. Ele sozinho silenciou toda a academia.

Claro, não era sua posição como o presidente do conselho estudantil que lhe dava esse poder. Horikita Manabu também carregava uma poderosa aura. Sua presença dominava toda a academia.

“Além disso, nós, o conselho estudantil, não estamos à procura de alguém que tenha uma maneira ingênua de pensar. Não só esse tipo de pessoa não conseguirá ser eleito, inevitavelmente se tornará uma mancha para esta escola. O conselho estudantil é apenas responsável por regular os alunos, mas a escola espera muito mais. Aqueles de vocês que entendem isso podem se tornar potenciais candidatos.”

Depois desse discurso inabalável, ele saiu do palco e deixou o prédio.

Como ninguém ousou falar, nenhum dos alunos falou quando ele saiu da academia. Os alunos não sabiam o que aconteceria se eles tentassem falar. Todos se sentiam assim.

“Todos, obrigada por terem vindo. Com isso, a feira de clubes terminou. Agora vamos abrir a área de recepção para quem estiver interessado em se juntar. A área de recepção só estará aberta até o final de abril, para que qualquer pessoa interessada depois possa ser aplicada diretamente para o clube.”

Com a ajuda da presidente da feira de clubes, a atmosfera tensa desapareceu lentamente.

Depois, os representantes do clube abriram a área de recepção.

“…”

Horikita ainda não se movia.

“Oi, o que há de errado?”

Horikita não respondeu. Minhas palavras não chegaram nela.

“Oh, Ayanokouji-kun. Você também veio?”

Uma voz profunda o chamou. Era Sudou. Meus colegas de classe Ike e Yamauchi estavam com ele.

“O que é isso, três pessoas? Parece que vocês estão se dando bem.”

Sentindo ciúmes, falei para Sudou.

“Você também está pensando em se juntar a um clube?”

“Não, eu só estava olhando. Então, isso significa que você estava pensando em se juntar a um clube?”

“Sim. Tenho jogado basquete desde a escola primária. Eu acho que vou continuar aqui também.”

Eu sempre pensei que ele fizesse algum tipo de exercício com esse tipo de corpo—acho que era basquete.

“E você dois?”

“Nós acabamos de chegar já que parecia divertido e excitante. Eu também esperava que algum tipo de encontro fatídico acontecesse.”

“Pro inferno, o que você quer dizer com um encontro fatídico?”

Eu instei Ike novamente depois de ouvir esse objetivo questionável, e ele respondeu com orgulho depois de cruzar os braços.

“Meu primeiro objetivo é conseguir uma namorada. Então, eu estava esperando que um encontro fatídico acontecesse aqui.”

07

Então era esse tipo de coisa. Ter uma namorada parece ser uma parte essencial da vida escolar ideal de Ike.

“Além disso, o presidente do conselho estudantil tem uma aura forte. Como se ele governasse o lugar.”

“Não é? Ele conseguiu silenciar a todos.”

“Sim, sim. Além disso, fiz um bate-papo para homens ontem.”

Ike sacou o telefone dele.

“Você quer se juntar também? É muito conveniente.”

“Eh, está bem?”

“Claro. Somos todos parte da classe D depois de tudo.”

Não esperava isso. Estou feliz por ter sido convidado para um bate-papo em grupo.

Uma chance perfeita de fazer amigos finalmente chegou!

Quando eu comecei a sacar meu telefone para trocar números, vi Horikita desaparecer na multidão.

Sentindo-me preocupada com ela, eu involuntariamente parei de me mover.

“O que está errado?”

“Não… não é nada. Vamos trocar números.”

Recuperando meus sentidos, compartilhei minhas informações de contato com os outros.

Horikita tem a liberdade de fazer o que quer que seja e ir onde quiser, e não tenho o direito de detê-la.

Senti vontade de segui-la por um momento, mas decidi não fazer isso.

[Anterior] ᄽὁȍ ̪ őὀᄿ [Próximo]

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s