The Lazy Dragon Is Working Hard capítulo 4

Finalmente terminei o volume 2 de Grimgal, agora vou voltar o foco em Tate no Yuusha, ainda estou no capítulo 59…

Traduzido por Kote e revisado por Likw.


 

Capítulo 4

Com meus três pares de asas, me movi a uma velocidade que pode ser considerada de primeira classe, mesmo entre os sete guardiães.

Mediante o uso de um par de asas, posso voar a 100 km/h, 400 km/h se uso dois pares. Se utilizo três, posso voar a velocidade do som(NT: 1224 Km/h).

Para meu corpo divino, o muro de ar (criado para a velocidade do som) não significa nada. Só preciso seguir, enquanto rasgo através das nuvens.

A partir das esquinas de meus olhos, dou conta de que o poder da explosão sônica foi mesmo capaz de coçar um leão alado voando próximo de mim.

Por tanto, quando voo, tenho que ter cuidado para não causar muito dano. Ainda assim, cheguei em questão de minutos.

Os monstros da zona correm como crianças assustadas quando me veem. Mesmo o Frost Dragon e Golem de Gelo, considerados como poderosos monstros de nível Boss para os seres humanos, não podem deixar de fugir a toda velocidade.

Patético.

No entanto, é de se esperar. Diante de mim, um guardião, a resposta correta é escapar.

Portanto, esta é a habilidade dos trolls da neve?

Posso ver o cabelo branco das criaturas ieti me observando. Eles me olham com hostilidade.

Não deveriam os Trolls se preocuparem de que poderei acabar com eles se me ofendem? Talvez, pensam que tem uma oportunidade devido a sua enorme quantidade. Também parecem valorizar sua fonte de mana muito alta, já que necessitam de mana para evoluir.

“Wow… Que coisa mais problemática!”

Um grupo de trolls de neve está chegando para me atacar. Tudo o que eles têm é uma alta densidade de mana. Matá-los nem sequer vale a pena o esforço.

“Por agora, só os aturdirei.”

Agito minhas asas e voo longe da manada de Trolls da neve. Devido ao vento gerado por minhas asas, eles voaram para o lago e caíram na água gelada. Talvez alguns deles morreram devido às temperaturas tão baixas, mas ao menos reduzi seus números.

Está bem, então, já não tem animais incômodos. É hora de trabalhar.

Com os olhos divinos, posso ver facilmente através da neve e o solo.

Determinando que a fuga de mana se encontra abaixo, desta maneira encontro uma torrente da dita fuga, causada por um congestionamento. A corrente de mana também se congestionou em diversos lugares, e se obstruiu completamente no acampamento dos Trolls da neve.

Os Trolls da neve construíram um cemitério em forma de pirâmide que, por pura sorte, se encontra na parte superior da corrente de mana, causando uma fuga de alta pureza de mana. De todas as formas, vamos terminar o trabalho. Eu uso a magia de exploração para comprovar se há outras fugas em um raio de 100 km.

Hmm… há várias áreas que me preocupam. Que seja. Vou mudar o terreno para criar uma nova paisagem de mana e limpar o nivelamento.

Assim, perfuro o solo com minha força e faço uso da magia para criar uma capa que deterá futuras fugas de mana deste lugar novamente.

Ao aumentar a quantidade de mana que utilizo, minha mana é capaz de chegar à corrente de magia e ao local obstruído.

Igualmente na lavagem de higiene, fiz que a corrente de mana comece a fluir e a obstrução desapareça.

Agora que a corrente de mana se solucionou, preencho a fenda para que os trolls da neve não possam utilizá-lo como um depósito de merda de novo.

“Ah… Bom, funciona… Sinto-me como se quase tivesse morrido pelo excesso de trabalho.”

Preciso tirar um cochilo.

Voo com rapidez por cima das nuvens, demorando poucos minutos antes de chegar de volta à minha caverna.

“Já estou de volta…”

“Guardião-sama, bem vindo de novo. Como foi?” Runamiria me saúda com graça, inclinando-se em um ângulo de 45 graus.

“Sim. Os ossos descartados por um grupo de Trolls da Neve foram a causa. Limpei o local, assim vai deixar de ser um problema.”

“Obrigado pelo seu trabalho duro.”

Depois de informar Runamiria, me sentia cansado e queria tirar um cochilo – tendo um período de 20 anos.

Vou à minha cama, feita a partir da imagem de um boss RPG em minha mente.

Na realidade, é um trono, mas não é tão alto como para não poder me acomodar.

“Agora, guardião-sama. Apesar de que acaba de completar uma tarefa, outro problema apareceu.”

“Que? Tão de repente? Ia tirar um cochilo” Eu perguntei preguiçosamente.

“Guardião-sama. Um momento atrás, uma grande quantidade de mana começou a se filtrar em todo o continente Assurado. Logo dará lugar a múltiplos casos de erupções de mana.”

“Eh? Por que?”

“Há uma aceleração anormal nas correntes de mana. Está sendo empurrado para fora do continente e assim apareceu pequenas fissuras. Não pode esperar por muito mais tempo.”

“Vamos reconsiderar. Acabo de terminar de resolver um problema de mana. Tem que ter um pouco de tempo para dormir, não acha?”

“Guardião-sama, me parece que precisamos de você de novo.”

Hahaha… Que está dizendo Runamiria? É hora do cochilo.

“É claro, aparecimentos anormais de monstros foram vistos. Mesmo as plantas estão mutando. Temos que nos encarregar disso agora.”

NÃAAAAAAAAAAOO!!

Esse dia, no continente Assurado, as fugas de mana se produziram em todos os lugares. Um rugido desconhecido muito alto ecoou por todo o continente(NT: pqp ashuashuashua). Os seres humanos, por medo, se esconderam em suas casas e oraram ao Deus em que acreditavam.

 

Anúncios

2 comentários sobre “The Lazy Dragon Is Working Hard capítulo 4

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s